Select Menu

Slider

Teste Menu 1


Em maio, noticiamos que Rupert Grint (Rony Weasley) e Alan Rickman (Severo Snape) estrelariam uma cinebiografia de nome CBGB, que conta a história de um famoso clube de música de Manhattan. Na semana passada, as primeiras fotos das filmagens foram liberadas on-line para os fãs locais, de Savannah. Nas imagens, Rupert aparece caracterizado como Cheetah Chrome, integrante da banda real Dead Boys, ao lado do ator Justin Bartha, que assim como Rupert aparece ferido. Algumas fotos foram liberadas via Instagram, Twitter, e Facebook de fãs. Você as encontra na nossa galeria. Alan Rickman, que interpreta o criador do clube em questão, Hilly Kristal, aparece contracenando com Ashley Greene, que no filme faz sua filha, Lisa Kristal. Veja as imagens clicando no link. As filmagens de CBGB já estão em fase final, e sua estreia está marcada para o ano que vem. Continuem ligados no Potterish para futuras informações.


Daniel Radcliffe deu vida, durante dez anos, a um dos personagens mais icônicos dos últimos tempos, e um ano depois da grande despedida de Harry Potter nos cinemas, o ator encontra-se com um longa já lançado, um filme e uma minissérie em pós-produção, uma peça confirmada para o ano que vem, e recentemente foi escalado em dois filmes de gêneros completamente diferentes.
Horns, um thriller sobrenatural, será uma adaptação do best-seller de Joe Hill, filho de Stephen King. O romance, que no Brasil chama-se O Pacto, conta a história de Ig Perrish (Ish), um jovem que tem sua vida totalmente mudada quando sua namorada é estuprada e morta, deixando-o como principal suspeito. Um ano após a tragédia, tudo se torna ainda mais confuso e bizarro na vida de Ig, quando ele acorda com chifres (isso mesmo, chifres) que nascem em sua testa acompanhados por poderes um tanto convenientes: induzir as pessoas a confessarem os pecados e cederem a impulsos egoístas – uma ferramenta eficaz na sua busca para descobrir as circunstâncias da morte de sua namorada e fazer vingança.
Cathy Schulman e Peter Guber ficam a cargo da produção. O próprio Hill participa da adaptação como produtor-executivo. O roteiro é de Scott Bunin, e a direção de Alexandre Aja.
O Hollywood Reporter confirmou a participação de Daniel em um outro filme, uma comédia romântica dirigida por Michael Dowse, de título The F Word. O elenco adicional está fechando contrato, confirmados até agora estão apenas Daniel e Zoe Kazan. O início das filmagens está previsto para 15 de agosto, no Canadá.
Uma primeira imagem da minissérie A Young Doctor’s Notebook, que noticiamos há algum tempo como sendo o mais novo trabalho do ator, foi divulgada. Nela, Daniel aparece ao lado da atriz Rhianna Hosmer, caracterizado como o jovem médico do título. A série estreará na televisão britânica em 2013.
Uma outra novidade na carreira do ator foi anunciada na Comic Con. Daniel foi convidado a participar da animação Frango Robô, exibida no bloco Adult Swim da Cartoon Network. Dan, Tom Hiddleston, Sam Elliott e Patrick Stewar tem prestarão suas vozes para a próxima temporada do programa.
Ao que parece, Daniel Radcliffe está com sua agenda lotada durante todo esse ano e o próximo. Lhe desejamos sorte e sucesso nessa nossa fase. O Ish lhe manterá atualizado sobre os passos tomados dos nossos atores em seus novos trabalhos. Fiquem ligados!


15 ANOS DEPOIS DO PRIMEIRO LIVRO

Quem não gostaria de ser Harry Potter?

O gosto pela saga Harry Potter foi passado a MIguel pela mãe, Rute Vasco.O gosto pela saga Harry Potter foi passado a MIguel pela mãe, Rute Vasco.Imagem: Inês Alves/SAPO
Rita Correia e Miguel Magalhães estão hoje longe de partilhar os mesmos interesses, frequentar os mesmos lugares ou ter amigos em comum, mas ambos guardam religiosamente nas prateleiras de casa os sete livros que contam a vida de Harry Potter, o órfão, o mágico, o herói apanhado desprevenido e cuja missão é salvar dois universos, o da feitiçaria e o “muggle”, que é como quem diz, o lugar onde vivem os comuns mortais sem capa, sem varinhas e caldeirões.
“A criação de um mundo novo, a comparação do mundo da magia e o mundo dos humanos, a evolução das personagens, que passam de crianças para adolescentes” foram características da saga Harry Potter que prenderam Rita, de 31 anos.
“A história não é só Harry Potter, fala de encarar a vida quando as coisas não correm bem e acho que qualquer pessoa se identifica com isso, e se calhar por isso teve tanto sucesso”, diz Miguel.
Já Miguel deixou-se encantar pela marcada ligação entre o mundo mágico e não mágico. “Num livro é sempre bom poderes pensar: eu gostava de viver uma coisa destas e era possível. Gosto de livros que te dêem essa possibilidade”, diz o jovem, que acabou de completar 16 anos.
À parte disso, enquanto Rita salienta “a escrita e o humor” para justificar o encanto pela saga, Miguel destaca o facto da história do rapaz da cicatriz na testa abordar questões que vão muito além do universo da feitiçaria.
“A história não é só Harry Potter, fala de encarar a vida quando as coisas não correm bem e acho que qualquer pessoa se identifica com isso, e se calhar por isso teve tanto sucesso”.
Das paginas para o ecrã
O triunfo da saga de J. K. Rowling foi tal que depressa os filmes foram adaptados ao grande ecrã, enchendo salas de cinema um pouco por todo o mundo.
Rita Correia esperava um final mais negro.Rita Correia esperava um final mais negro.
“Queria comparar aquilo que tinha lido com a forma que eles concretizaram em filme, é engraçado ver em imagens aquilo que imaginamos na nossa mente”, diz Rita, acrescentando que gosta mais dos livros “pois são mais pormenorizados e há detalhes que não entram nos filmes”, confessa.
Menos exigente, Miguel, que “adora” ler, considera que “os filme estiveram bem". Fica apenas um reparo negativo da parte do jovem que, de bom grado, transformaria os últimos dois filmes num só.
Ao chegar ao fim da saga, o sentimento de tristeza e de ausência é partilhado por ambos. Miguel aprovou o desenlace, mas reconhece que qualquer fã gostaria que “houvesse um pouco mais”. Já Rita esperava um final mais negro. “O final foi interessante mas soube a pouco”, diz. “Foi um típico final feliz e achei cor de rosa de mais”.
Facto é que à medida que a personagem evolui, os livros se tornam mais negros e a trama mais complexa.
Passagem de testemunho
Na casa de Miguel, o fascínio por Harry Potter é herdado da sua mãe. Tendo em conta que ele nasceu quando o primeiro volume da saga foi publicado, era ela quem lhe lia as aventuras e desventuras do jovem feiticeiro. Mais tarde, foi inevitável que ele próprio continuasse a acompanhar a vida de uma personagem que, no fundo, também acabou acompanhar o seu crescimento.
Miguel MagalhãesMiguel Magalhães
Hoje, com os livros, a capa e os óculos de Harry - com os quais desfilou orgulhosamente, aos oito anos, no carnaval - guardados nos armários, o universo do jovem feiticeiro é vivido através do site Pottermore, onde Rowling publica novos capítulos da história e onde todos são convidados a passear-se pelas ruas de Diagon Alley ou a explorar os corredores proibidos de Hogwarts.
Rita, por seu turno, quando fechou o último livro não voltou a procurar mais informações sobre a saga Harry Potter noutras plataformas. “Já não sou assim tão fã de estar sempre a seguir, o mais importante era quando saíam os livros e ia logo comprar”, refere.
Gostavas de ser um Harry Potter? “Quem não gostava?”, responde prontamente Miguel, salientando porém que dispensava ser órfão.
Os limites do real e do tempo não são perceptíveis nas centenas de páginas que tornaram J. K. Rowling uma das mais influentes escritoras do mundo e, por isso mesmo, os livros vão continuar a ocupar um lugar de destaque nas prateleiras, até haver outros a quem se possa passar o testemunho.
“Daqui a muito anos, se calhar, quando casar e tiver filhos gostava que eles lessem e a minha mãe também gostaria. Tradição de família”, conclui Miguel, sorrindo perante uma realidade que ainda está muito distante.

Quem não viu em 2011 ou quer ver de novo parte da saga do bruxinho Harry Potter como o público nunca viu, deve correr para garantir o ingresso do espetáculo que acontece dias 7 (20h) e 8 de julho (19h), no Cine Teatro Cuiabá. O espetáculo, idealizado e realizado pela segunda e última vez pelo Ballet Denise França, é inspirado no filme “O cálice de fogo”. Traz atuação dramática misturada com dança contando a história em forma de ballet clássico, danças árabe, flamenca e contemporânea. Vale conferir a miscelânea interessante e mágica que resulta dessa mistura.
No papel principal está o ator Kaio Camargo, que agora está radicado no Rio de Janeiro onde é personagem principal do filme “Anchieta”, mas que volta à Cuiabá especialmente para esta apresentação. No papel de Harry quando criança está José Miguel, filho da bailarina Denise França. Nelson Freitas (Dumbledore); Ana Carolina Peralta (Hermione); Carolina Proença (Lilian Potter); Ronisdalber Ribeiro (Voldemort); Jamilton Mello (Victor Krum); Dejailton Campos Neves (Rony Wesley); Fernanda Grein (Fleur Delacour); Rafael Fonseca (Cedrico) e; Luiz da Silva Veiga (Dragão).

O espetáculo conta no total com 100 integrantes entre crianças, jovens e adultos. A direção geral é de Denise França, que também faz a direção artística juntamente com Fernanda Frandsen. As coreografias da Dança Flamenca são dos professores Donni Oliveira e Cristiane Ferraz e a da dança Árabe de Clara Azevedo. Coreografia Raymunda da professora Fernanda Frandsen

Quem é o Harry cuiabano?

Kaio Camargo, o intérprete de Harry Potter no espetáculo, tem 20 anos e, além de ator, é bailarino e já pensa em fazer aulas de canto, afinal, segundo ele, artista tem que saber e estar preparado para tudo como acontece nos Estados Unidos onde a preparação é de atuação, dança e música.

Ele diz que o fato de ter ido morar no Rio de Janeiro não o afasta das artes mato-grossenses. De acordo com ele, fazer essa ponte é uma forma de aproximar Cuiabá dos grandes eixos e também de fortalecer a arte da capital, uma vez que mostra exportar talentos. “Cuiabá está crescendo e a tendência é ser um grande centro cultural. Então, temos que fazer questão de estar dentro dele”, alega Kaio.

Por isso ele faz questão de dizer nas entrevistas concedidas fora do estado que é de Mato Grosso. Atualmente, além do filme “Anchieta” atua no longa, “Histórias Íntimas”, de Mary Del Priori, historiadores e autora de livros. Nesse longa, atua ao lado da consagrada atriz Nádia Lippi sob a direção de Breno Pressurno.

Também passou por um curta de Bruno Araújo e Kim Kember onde eram contadas várias histórias em uma. Também participa do grupo de teatro cuiabano “Cena Onze”, onde as últimas atuações foram nos “Auto de Natal” e “Auto da Paixão”. Também no teatro, dessa vez com a Cia Studio Alegro, atuou em 2011 no espetáculo “A bela e a fera”. “Gosto de musicais, apesar de minhas paixões serem a TV e o Cinema”, explica o ator.

Para viver Harry ele afirma que mergulhou no universo da personagem lendo tudo que encontrava sobre o perfil desde o início da saga, apesar de se preparar para fazer Harry no período do quarto livro. Ele conta que nesse quarto livro da série, que tem a parte do torneio de bruxos é muito interativo com a linguagem da dança.
-

 Foto: Divulgação
O parque temático da Universal, em Orlando, conta com um complexo temático destinado exclusivamente à saga Harry PotterFoto: Divulgação
  • Pelo mundo, existem milhares de parques de diversão. Alguns, com temas especiais, ganham destaque por transportar os visitantes para um universo diferente. Seja através do mundo perdido dos dinossauros, pelas terras fantásticas de Harry Potter ou até mesmo pela velocidade da Fórmula 1, os parques temáticos atraem visitantes do mundo todo em busca de aventura.
Ferrari World, Yas Island, Abu Dhaib: é um dos maiores complexos temáticos do mundo. O Ferrari World inclui quatro parques temáticos, dois parques aquáticos, hotel, resorts, campings, spas e campos de golfe. O principal parque de diversão do complexo, todo voltado para a escuderia italiana de Fórmula 1, tem 200 mil metros quadrados e é considerado o maior parque indoor do mundo. Inaugurado em 2010, Ferrari World conta com a Formula Rossa, a montanha russa mais veloz do planeta, que ultrapassa a velocidade de 240 km/h.
Legoland, Califórnia, Estados Unidos: neste parque temático, monumentos reais ganham versões menores feitas com os pequenos blocos coloridos. No parque, localizado na Califórnia, há versões da Casa Branca, da Ponte Golden Bridge e da paisagem de Nova York. O parque ainda conta com uma trilha safari em que os animais são construídos com tijolos de lego e você ainda pode fazer um tour pela fábrica do brinquedo. Todo o parque, inclusive as atrações, contam com imagens que remetem ao tijolinhos coloridos.
Cedar Point, Sandusky, Ohio, EUA: este é um parque de diversão histórico e, por isso, merece ser visitado. Fundado em 1870, é um dos mais antigos da América. Conta com um resort no Lago Erie, mais de 15 montanhas russas e 68 outras atrações. 
Everland, Yongin, Coreia do Sul: inaugurado em 1976, o Everland oferece atrações variadas ao longo do ano. Em meio aos brinquedos, surgem festivais e shows, como a Moonlight Parade e a Dream of Lacium. Ainda possui cinco áreas temáticas, entre elas um Safari e mais de 50 atrações para todos os gostos.
Iceland Water Park, Emirados Árabes: inaugurado em 2010, foi criado para ser o  maior parque aquático do Oriente Médio. As piscinas contam com temas relacionados ao aquecimento global e exibe figuras de pinguins, ursos polares, iglus e esquimós.  Uma das principais atrações é a Cachoeira dos Pinguins, de onde despencam 3 mi de litros de água por dia, de uma altura de 36 metros.

DisneySea, Tokyo, Japão: a Disneyland Tokyo foi o primeiro parque do grupo Disney a ser construído fora dos Estados Unidos, em 1983. O Disney Sea foi construído pelo grupo na década de 1990. E com o tema marítimo, tornou-se uma das principais atrações do World Disney Tokyo. O Disney Sea é dividido em sete seções: Port Discovery, American Waterfront, Mediterranean Harbor, Mermeaid Lagoon, Arabian Cost e Lostv River Delta.
Europa-Park, Rust, Alemanha: este é o segundo parque mais visitado da Europa, atrás apenas da Disneyland de Paris. Com um tamanho de 90 campos de futebol, o parque foi inagurado em 1970 e, desde então, é gerido pela família Mack, famosa no ramo de construtures de montanhas-russas desde 1921. O parque conta com diversas montanhas-russas, como a Euro-Mir e a Atlantica Super Splash.

PortAventura , Salou, Espanha: o parque é dividido em cinco zonas temáticas: Mediterrâneo, Polinésia, Velho Oeste, China e México. Tem a mais longa e mais alta montanha russa do continente. E neste mesmo complexo ainda existe um parque aquático, o Caribean Aquatic Park, e um resort.

Disneyland Paris, França: localizado no subúrbio da capital francesa, a Disneyland Paris recebe cerca de 15 milhões de pessoas por ano, sendo a atração mais visitada da Europa. O complexo é composto por dois parques temáticos e um centro de entretenimento e compras. Além disso, conta com sete opções de hospedagem.

Magic Kingdom Disneyworld, Lake Buena Vista, Flórida, EUA: com mais de 50 milhões de visitantes por ano, este é o maior parque dos Estados Unidos e, sem dúvida, o mais popular do planeta. O parque temático corresponde a duas vezes o tamanho de Manhattan e conta com atrações que remetem aos filmes e desenhos animados criados pelos estúdios de Walt Disney.

Universal Studios, Singapura: o parque temático está dividido em Hollywood, Nova York, Ficção Científica, Egito Antigo, Mundo Perdido, Madagascar e Far Far Away, em uma menção ao reino da animação Shrek. No parque, você poderá encontrar áreas criadas exclusivamente para os fãs de grandes sucessos da Universal, como Transformers, Madagascar e Jurassic Park.

Ocean Park Hong Kong, Hong Kong: o parquet é visitado anualmente por mais de 5 milhões de pessoas. Além de contar com atrações que reservam muita aventura, como o Rev Buster e o The Flash, o parque possui uma área destinada ao mundo dos oceanos, onde as pessoas podem conhecer tubarões, peixes e baleias.

Jinling Happy World, China: este é um parque que se destaca pelas suas montanhas-russas. A maior delas é a Coaster Inversion, com 11 inversões, saca-rolhas e um par de loopings. Até o final do ano, mais duas montanhas-russas devem ser inauguradas. O parque promete que uma delas deve ser a mais alta do mundo.

Rio Quente Resort, Goiás, Brasil: localizado no centro-oeste do país, o parque aquático possui diversas piscinas e atrações com águas quentes. O complexo conta com sete opções de hospedagem e divide-se em três seções: Hot Park, Praia do Cerrado, Parque das Fontes.

Beach Park, Porto das Dunas, Ceará, Brasil: inaugurado em 1988, o parque é a principal âncora turística do estado. Possui um complexo hoteleiro com quase 500 quartos e, entre as atrações, estão o Enigma da Esfinge, Ilha do Tesouro, Arca de Noé, Correnteza Encantada, Atlântida, Maremoto, Acqua Show e Ramubrinká. O visitante ainda pode aproveitar uma praia paradisiaca, localizada dentro do complexo.

HopiHari, Vinhedo, São Paulo, Brasil: o parque é um dos maiores da América Latina. No parque, foi criado um mundo à parte com idioma e costumes próprios. No início de 2012, o parque inaugurou uma nova área, com os personagens Looney Tunes.

Tibidado, Barcelona, Espanha: localizado na Serra Colserola, o parque é dos mais antigos e emblemáticos da Europa. Inaugurado em 1901, o parque fica em um dos pontos mais altos do país e, por isso, oferece uma vista incrível da cidade e dos seus arredores.

Beto Carrero World, Santa Catarina, Brasil: o parque conta com três seções: zoológico, parque e espaço de shows. É um dos parques mais tradicionais do país.

Universal Studios, Orlando, Estados Unidos: o parque conta com um dos mais incríveis complexos temáticos: o Fantástico mundo de Harry Potter. É dividido em lugares com os mesmos nomes da fantasia., como o castelo de Hogwarts e o vilarejo de Hogsmedal. Os brinquedos fazem menção à histórias e aos desafios vividos pelos personagens. Dragões, palavras mágicas e seres fantásticos estão por todos os lados.
Sun City, África do Sul: localizado em meio à paisagem desértica, o parque temático reserva uma piscina de ondas artificiais. É constituído por casinos, áreas de diversão, discotecas e restaurantes. Ao redor você pode fazer um safári em uma área de 75 mil hectares para conhecer os animais do continente, como elefantes, girafas e hienas. O hotel que faz parte do complexo, Palace of the Lost City, é um dos únicos seis estrelas do mundo
-
Acabou minhas, Férias, Vou começar a Postar e as Coisas vão Esquentar. Pode vim Harry Potter
-


Feliz Ano Novo!


Feliz Ano Novo! | Ordem da Fênix BrasileiraÉ... Mais um ano se passou! \o/

O Oficial Harry Potter Brasil teve um ano de sucesso!

Progresso nas notícias, na galeria, nas redes sociais, estreia de "Relíquias da Morte - Parte 2", novas seções, entre outros momentos inesquecíveis!

Assim, como qualquer site, sonhamos em crescer e evoluir cada dia mais. Somos parte de uma família constituída por milhões de pessoas: nossos visitantes fãs de "Harry Potter", que nos ajudam a crescer toda vez que comentam e/ou linkam nossas notícias.

Como o ano passou rápido...

Daqui 1 ano, se Deus quiser, estaremos desejando mais um "Feliz Ano Novo", porque todos nós merecemos!

Vamos realizar nossos desejos e não vamos nos iludir com coisas erradas. Vamos ser boas pessoas, amando cada vez mais nossos amigos e familiares.

Mais um ano se passa e juntos podemos comemorar a virada de um novo tempo, de encher nossos corações de esperanças, de dizer adeus ano velho, feliz ano novo.






Novo pôster de "A Mulher de Preto" é divulgado


Novo pôster de 'A Mulher de Preto' é divulgado | Ordem da Fênix Brasileira
Na história, o jovem advogado Arthur Kipps (Radcliffe) precisa viajar para uma região remota da Inglaterra para cuidar dos papéis de um cliente recém-falecido. Enquanto trabalha na casa antiga e isolada, Kipps começa a descobrir seus trágicos segredos. A situação piora quando ele entende que o vilarejo é refém do fantasma de uma mulher magoada, em busca de vingança.

O filme estreia no Brasil em 4 de Maio, também na versão 3D.
Atores, Daniel Radcliffe, Filmes, Fotos, Novidades, Outros, Outros sites |

Daniel Radcliffe fala um pouco mais sobre o seu papel em "A Mulher de Preto"


Daniel Radcliffe fala um pouco mais sobre o seu papel em 'A Mulher de Preto' | Ordem da Fênix Brasileira
"O que me preocupava não era muito interpretar o lado dele que foi devastado pela mágoa. O principal que me preocupou foram vinte minutos no meio do filme que não há diálogo algum: apenas fico andando pela casa. Fiquei pensando: 'Deus, será que vai ser um tédio? Vou só ficar fazendo as mesmas expressões de medo toda hora?' Felizmente, não foi o caso. É uma das sequências mais excitantes do filme."

Declarou Daniel Radcliffe à revista Total Film, sobre seu personagem, o advogado Arthur Kipps.


"A Mulher de Preto" estreará no Brasil no dia 4 de maio do próximo ano.
Fonte: http://www.ordemdafenixbrasileira.com/
- - - - - - - - - - -


J. K. Rowling


Joanne Kathleen Rowling nasceu nos arredores de Bristol, na
de 1965. Transformou a data de seu nascimento no dia do 
aniversário de seu protagonista Harry Potter, dando pistas
 de que o bruxinho, que a transformou numa das mulheres
 mais ricas do Reino Unido, é seu alter-ego. Quando 
criança, J. K. Rowling costumava contar histórias para sua
 irmã mais nova, e também era craque em entreter seus 
colegas na hora do recreio com longas histórias seriadas em
 que ela e sua turma apareciam em papéis heróicos e corajosos.
Formada em literatura e filologia francesa, Rowling escreveu
 a primeira aventura de Harry Potter em papéis avulsos, na mesa
 de um café que ficava próximo ao minúsculo apartamento onde 

morava com a filha, Jessica, na Escócia. Rowling tivera a idéia para 
a trama an
os antes, em 1990, numa viagem de trem de Manchester para 
Londres. “Eu estava viajando de volta para Londres num trem 
lotado quando a idéia para a história de Harry Potter simplesmente apareceu em minha mente. Eu sempre 
escrevi muito desde os seis anos de idade, mas nunca havia me sentido tão empolgada com uma idéia 
antes”, diz ela. “Naquela mesma noite, eu comecei a escrever Harry Potter e a Pedra Filosofal.”
No entanto, logo depois, J. K. Rowling se mudou para Portugal, e adiou o projeto de escrever o livro
, que naquele momento tinha apenas os três primeiros capítulos prontos. Depois de separar-se do pai
 de sua filha, a escritora voltou para a Escócia e foi lá que Harry Potter finalmente ganhou vida.
 A autora estava determinada a terminar a história e escrevia em ritmo acelerado. Após inúmeras
 rejeições, os originais foram aceitos pela editora Bloomsbury. A primeira edição inglesa do livro foi
 lançada em julho de 1997 – sucesso local de crítica e público. Além das crianças e jovens, público-alvo
 das aventuras do menino bruxo, Harry Potter acabou conquistando milhares de fãs adultos.
Desde então, os seis livros da série Harry Potter foram traduzidos para 65 idiomas e venderam mais de
 400 milhões de cópias em todo o mundo (mais de 200 territórios), 3 milhões só no Brasil, gerando
 uma série de produtos e filmes inspirados no personagem. O sétimo livro vendeu mais de 8,3 milhões de
 exemplares somente nas primeiras 24 horas do lançamento nos Estados Unidos, em julho de 2007. 
No Brasil, Harry Potter e as Relíquias da Morte teve tiragem de 400 mil exemplares.
Além dos sete livros da série Harry Potter, J. K. Rowling assina, sob pseudônimos, os divertidos
 Quadribol através dos séculos, um histórico completo sobre o jogo quadribol, uma das 
especialidades esportivas de Hogwarts, e Animais fantásticos & onde habitam, guia adotado
 pelos professores da escola de magia, ambos publicados no Brasil pela Editora Rocco. A autora cedeu
 os direitos de publicação das duas obras para a Comic Relief, uma organização humanitária criada por 
comediantes britânicos para ajudar crianças carentes.
J. K. Rowling ganhou, entre outros prêmios, o Nestlé Smarties Book Prize Gold Medal, o FCBC 
Children’s Book Prize, o Birmingham Cable Children’s Book Award e o cobiçado British Book Awards Children’s Book of the Year. Em 2003, a autora foi agraciada com o Prêmio Príncipe de Astúrias da Concórdia, um dos mais 
importantes do mundo, concedido pela Fundação Príncipe de Astúrias a pessoas, instituições ou grupos 
cujo trabalho tenha contribuído de forma exemplar e relevante para a fraternidade entre os homens e a
 luta contra a injustiça, a pobreza, a enfermidade e a ignorância.


RONY WEASLEY
Melhor amigo de Harry Potter e Hermione Granger. Pertence a uma das mais antigas famílias de bruxos, os Weasley. Rony é um dos sete filhos de Arthur e Molly – irmão de Gui, Carlinhos, Percy, Jorge, Fred e Gina. Dono de um ótimo coração, mas de pavio curtíssimo, Rony sofre por não ser popular como Harry ou tão bom aluno quanto Hermione. Sente-se frustrado por ser pobre e ter de usar as roupas e livros usados pelos cinco irmãos que já passaram por Hogwarts – e que marcaram época. Pertence à Grifinória. Rony é leal aos amigos, adora jogar xadrez de bruxo e morre de medo de aranhas. Ele é dono de Perebas, um rato gordo, sem um dos dedinhos numa das patas dianteiras.

HERMIONE GRANGER
Melhor amiga de Harry Potter e Rony Weasley. Filha única de trouxas, ambos dentistas, Hermione é uma das alunas mais inteligentes e dedicadas da história de Hogwarts. Guarda na memória inúmeros feitiços que já tiraram seus amigos de grandes apuros. Por ser filha de trouxas, sofre preconceito de colegas, como Draco Malfoy, que a chamam de sangue-ruim. Criadora do F.A.L.E. (Fundo de Apoio à Liberação dos Elfos), que defende elfos domésticos, e idealizadora da Armada de Dumbledore, Hermione tem papel fundamental durante toda a série, dando suporte a Harry em todos os momentos em que ele precisa. Pertence à Grifinória e tem um gato chamado Bichento.


ALVO DUMBLEDORE
Maior bruxo de todos os tempos. Diretor de Hogwarts desde 1940, Dumbledore acompanhou toda a trajetória de Tom Riddle – aluno da escola na década de 1940 –, em direção às Artes das Trevas. Ele é o único bruxo capaz de impor algum temor a Lord Voldemort. Dumbledore foi o criador da Ordem da Fênix, que lutava contra o Lorde das Trevas e os Comensais da Morte no final dos anos 1970 e início dos 1980.  O diretor da Escola de Magia e Bruxaria inspira tranqüilidade, bondade e confiança. É sempre cortês com todos, sejam amigos ou inimigos. Apesar de estar presente em todos os livros da série, somente no último – Harry Potter e as Relíquias da Morte – são revelados episódios das primeiras décadas de sua vida. Quando aluno de Hogwarts, pertenceu à Grifinória. Dumbledore tem um fiel animal de estimação: Fawkes, uma fênix.

SEVERO SNAPE
Professor de Poções em Hogwarts – apesar de sempre sonhar assumir as aulas de Defesa Contra as Artes das Trevas. Filho de uma bruxa com um trouxa, Snape pertenceu à Sonserina nos tempos de colégio. Ao sair de Hogwarts, tornou-se um Comensal da Morte. Quando Lord Voldemort desapareceu após tentar matar Harry, Snape passou para o lado do bem, protegido por Dumbledore. As razões são reveladas apenas no último livro da série, Harry Potter e as Relíquias da Morte. O professor e Harry não se dão bem desde o primeiro encontro, da mesma forma que Snape não gostava do pai do menino – Tiago infernizava a vida do aluno da Sonserina com brincadeiras de mau gosto. Há muitas dúvidas sobre a índole do personagem, que são mantidas em suspenso e reveladas apenas no sétimo livro.
- - - -

HORÓSCOPO DE HARRY POTTER


Harry Potter nasceu no dia 31 de julho de 1980, sob o signo de Leão, que rege indivíduos de personalidade forte e exuberante, como músicos e artistas de cinema. Assim, apesar de tímido, Harry tem um espírito de liderança inato, atraindo naturalmente amigos e admiradores para sua órbita.

Por outro lado, Harry Potter tem diversos planetas no signo de Virgem, que costuma ser discreto, metódico e trabalhador. Estão em Virgem em seu horóscopo, a Lua, que governa as emoções; Mercúrio, que domina as habilidades mentais; e Vênus, responsável pelas habilidades sociais. Conjuntura indicadora de um caráter ordeiro, objetivo e preocupado com os detalhes. Características que, aliadas à exuberância de Leão, fazem com que Harry Potter seja um aluno aplicado, metódico e talentoso, com uma certa atração pelas aventuras fantásticas e espetaculares.
Esta combinação é muito interessante, pois o signo de Virgem, sempre em busca da perfeição, contrabalança o signo de Leão, cujo gosto pelo espetáculo às vezes faz com que seus nativos, mais preocupados em brilhar, às vezes se esqueçam dos detalhes importantes. É por isso que Harry Potter tanto consegue ser um ótimo aluno quanto um excelente jogador de quadribol, liderando seus colegas em disputas arriscadas e sensacionais.
Além deste três planetas em Virgem, Harry sofre forte influência de Urano, que dá o gosto por tudo o que é sobrenatural e fora do comum, e de Plutão, que desperta a curiosidade por tudo aquilo que está oculto. Características indispensáveis para se fazer um bom bruxo.
Harry Poter tem seu Netuno em Escorpião, fazendo com que ele possa visualizar e entender as dimensões do sonho e dos mundos que se escondem por trás das aparências, abrindo para ele o acesso às dimensões ocultas que podem ser sinistras e ameaçadoras, mas que ele saberá enfrentar com humor e criatividade.
Durante os anos de 1997 e 1998, Urano transitou pela signo de Harry Potter, numa conjunção que só ocorre a cada 84 anos. Foi por isso que suas aventuras ultrapassaram os muros da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts e se tornaram conhecidas em todo o mundo. Aspecto que foi reforçado pela passagem de Netuno por sua casa do Sol, a partir do meio do ano de 2001, propiciando grande popularidade para suas aventuras também no cinema. O problema é que essa presença de Netuno também gerou certa inveja, despertando a oposição de alguns bruxos maus. Sinal de que devemos aguardar grandes aventuras no próximo livro da série: Harry Potter e as Relíquias da Morte. 
- - - - -

LORD VOLDEMORT
Lorde das Trevas, o vilão da série, que quer controlar o mundo mágico e tornar-se imortal. Nascido Tom Riddle, ele é filho de uma bruxa com um trouxa. Voldemort foi abandonado pela mãe e cresceu em um orfanato. Hogwarts foi sua primeira casa de verdade, onde ficou conhecido como um aluno brilhante. Desde o colégio, já mostrava inclinação para as Artes das Trevas. Pertencia à Sonserina e descobriu que era o último descendente vivo de Salazar Slytherin. Alguns anos depois de deixar Hogwarts, Riddle reapareceu como Lord Voldemort, disposto a dominar o mundo dos bruxos. Prestes a conquistar o que queria, foi detido por uma criança de um ano, o bebê Potter. Ao tentar matar o menino, algo estranho acontece e o feitiço se volta contra ele. Harry ficou apenas com uma cicatriz na testa e Voldemort desapareceu por 10 anos, quando voltou ajudado pelo professor Quirrel. Começa então a recrutar os antigos aliados, os Comensais da Morte, e planeja uma maneira de liquidar Harry Potter
- - - - - -


HARRY POTTER
Protagonista da série, nascido em 31 de julho de 1980. Olhos verdes iguais aos da mãe, Lílian, cabelo desgrenhado como os do pai, Tiago Potter. Com um ano de idade, Harry escapou da morte protegido pelo amor da mãe – os pais foram mortos pelo vilão Voldemort. Harry ficou com uma cicatriz na testa e fez com que o Lorde das Trevas desaparecesse por mais de uma década. Após a morte dos pais, ele foi deixado com os tios, Petúnia e Walter Dursley, que já tinham um filho, Duda, da mesma idade de Harry. Criado como um estorvo, ele passou toda sua infância morando no armário embaixo da escada, usando as roupas velhas de Duda e sem receber amor ou carinho dos tios.

Em seu 11º aniversário, Harry recebeu uma carta de Hogwarts e, apesar das tentativas dos tios para evitar, entrou para a escola, onde se sentiu em casa pela primeira vez na vida. Ao longo dos sete anos de estudos, cada um retratado em um dos livros da série, Harry fica sabendo da própria história, das mentiras dos tios e do quanto é famoso no mundo dos bruxos por ter derrotado Lord Voldemort. Pertence à Grifinória e faz parte do time da casa como apanhador – o mais jovem da história de Hogwarts. Harry tem como animal de estimação Edwiges, uma bela coruja branca, presente de Hagrid.

- - - -

Personagens 



Ao completar 11 anos, o órfão Harry Potter descobre que têm poderes mágicos e inicia uma nova etapa em sua vida indo estudar na Escola de Magia de Hogwarts; aos 17, o bruxinho já viveu muitas aventuras, enfrentou perigos e, principalmente, precisou encarar seus próprios fantasmas para amadurecer. Do primeiro ao sétimo livro da série, que começou apenas como um romance de fantasia moderno e, ao longo do caminho, ganhou nuances psicológicas mais sofisticadas e atuais, Harry Potter e seus amigos vão se tornando personagens cada vez mais complexos, que lidam com todas as angústias e contradições típicas dos adolescentes. Do protagonista aos coadjuvantes, todos têm personalidade própria e uma história de vida muito bem elaborada, que permite ao leitor não só compreender a trama em toda a sua complexidade, mas também construir as suas próprias interpretações sobre cada um deles e suas motivações. Da vasta galeria de seres inesquecíveis criados por J. K. Rowling, selecionamos um pequeno perfil das personagens da série:
- - - - -


J. K. Rowling


Joanne Kathleen Rowling nasceu nos arredores de Bristol, na
 região de Gloucestershire, Inglaterra, em 31 de julho 
de 1965. Transformou a data de seu nascimento no dia do 
aniversário de seu protagonista Harry Potter, dando pistas
 de que o bruxinho, que a transformou numa das mulheres
 mais ricas do Reino Unido, é seu alter-ego. Quando 
criança, J. K. Rowling costumava contar histórias para sua
 irmã mais nova, e também era craque em entreter seus 
colegas na hora do recreio com longas histórias seriadas em
 que ela e sua turma apareciam em papéis heróicos e corajosos.
Formada em literatura e filologia francesa, Rowling escreveu
 a primeira aventura de Harry Potter em papéis avulsos, na mesa
 de um café que ficava próximo ao minúsculo apartamento onde 

morava com a filha, Jessica, na Escócia. Rowling tivera a idéia para 
a trama an
os antes, em 1990, numa viagem de trem de Manchester para 
Londres. “Eu estava viajando de volta para Londres num trem 
lotado quando a idéia para a história de Harry Potter simplesmente apareceu em minha mente. Eu sempre 
escrevi muito desde os seis anos de idade, mas nunca havia me sentido tão empolgada com uma idéia 
antes”, diz ela. “Naquela mesma noite, eu comecei a escrever Harry Potter e a Pedra Filosofal.”
No entanto, logo depois, J. K. Rowling se mudou para Portugal, e adiou o projeto de escrever o livro
, que naquele momento tinha apenas os três primeiros capítulos prontos. Depois de separar-se do pai
 de sua filha, a escritora voltou para a Escócia e foi lá que Harry Potter finalmente ganhou vida.
 A autora estava determinada a terminar a história e escrevia em ritmo acelerado. Após inúmeras
 rejeições, os originais foram aceitos pela editora Bloomsbury. A primeira edição inglesa do livro foi
 lançada em julho de 1997 – sucesso local de crítica e público. Além das crianças e jovens, público-alvo
 das aventuras do menino bruxo, Harry Potter acabou conquistando milhares de fãs adultos.
Desde então, os seis livros da série Harry Potter foram traduzidos para 65 idiomas e venderam mais de
 400 milhões de cópias em todo o mundo (mais de 200 territórios), 3 milhões só no Brasil, gerando
 uma série de produtos e filmes inspirados no personagem. O sétimo livro vendeu mais de 8,3 milhões de
 exemplares somente nas primeiras 24 horas do lançamento nos Estados Unidos, em julho de 2007. 
No Brasil, Harry Potter e as Relíquias da Morte teve tiragem de 400 mil exemplares.
Além dos sete livros da série Harry Potter, J. K. Rowling assina, sob pseudônimos, os divertidos
 Quadribol através dos séculos, um histórico completo sobre o jogo quadribol, uma das 
especialidades esportivas de Hogwarts, e Animais fantásticos & onde habitam, guia adotado
 pelos professores da escola de magia, ambos publicados no Brasil pela Editora Rocco. A autora cedeu
 os direitos de publicação das duas obras para a Comic Relief, uma organização humanitária criada por 
comediantes britânicos para ajudar crianças carentes.
J. K. Rowling ganhou, entre outros prêmios, o Nestlé Smarties Book Prize Gold Medal, o FCBC 
Children’s Book Prize, o Birmingham Cable Children’s Book Award e o cobiçado British Book Awards 
Children’s Book of the Year. Em 2003, a autora foi agraciada com o Prêmio Príncipe de Astúrias da 
Concórdia, um dos mais 
importantes do mundo, concedido pela Fundação Príncipe de Astúrias a pessoas, instituições ou grupos 
cujo trabalho tenha contribuído de forma exemplar e relevante para a fraternidade entre os homens e a
 luta contra a injustiça, a pobreza, a enfermidade e a ignorância.
- - - - -

Tamanha mania de grandeza deixou os ingleses com mania de ser diferentes. Assim, enquanto no mundo inteiro a mão certa no trânsito é a direita, na Inglaterra é a esquerda, o que deixa atrapalhados os motoristas do “Continente” (como eles chamam a Europa) que se aventuram na “Velha Albion” — nome poético dado à ilha no passado em virtude das falésias brancas. O fato é que na Inglaterra até a porca torce o rabo para o lado contrário, e as roscas das porcas de parafuso são atarraxadas da direita para a esquerda (a chamada “rosca inglesa”) enquanto no resto do planeta é o contrário...
A verdade é que a Inglaterra não gosta de seguir moda, gosta mesmo é de inventar moda. Foi assim com a minissaia, inventada por Mary Quant, nos anos 1960, época em que os Beatles e os Rolling Stones transformaram o rock, de origem americana, num produto de exportação tipicamente inglês. Embora seja verdade também que, para não ficar para trás, os Estados Unidos se apropriaram pouco depois da Pop Art, criação inglesa, para fazer dela a mais americana das correntes artísticas.
Aliás, esse troca-troca entre os Estados Unidos e a Inglaterra acontece em todos os campos. Prova disso é que aquilo que conhecemos aqui no Brasil como futebol americano, e que os próprios americanos chamam simplesmente defootball, é na verdade uma invenção inglesa do século XIX, o rúgbi (rugby, no original). Assim como é invenção inglesa o mais popular de todos os esportes, o futebol, criado na Idade Média. Menos populares, mas também praticados no mundo inteiro, o golfe (século XV) e o tênis (século XIX) também foram originais criações inglesas. Como agora o quadribol, um esporte cada vez mais popular...
- - - - - -


A INGLATERRA DE HARRY POTTER


Harry Potter só podia mesmo ser inglês, pois há mais de 4 mil anos a Inglaterra é 
a terra da magia e do mistério.
Com efeito, os celtas ao deixarem o norte dos Alpes e atravessarem o Canal da
 Mancha para ocupar a ilha que depois seria conhecida como Inglaterra, encontraram,

 ali vivendo há mil anos, um povo misterioso. Esse povo arcaico era tão misterioso 
que continua misterioso até hoje... Como também continua misteriosa a 
maior de suas realizações, o círculo de colunas de rochas de Stonehenge, no condado de Wiltshire. 
Santuário, observatório, câmara mortuária, obra de extraterrestres? As hipóteses são muitas e disparatadas,
 mas a verdadeira resposta talvez só seja conhecida por Harry Potter e seus amigos da Escola de Magia e 
Bruxaria de Hogwarts...
Com apenas 250 mil quilômetros quadrados, a Grã-Bretanha (formada pela união da Inglaterra, Escócia, 
Irlanda e do País de Gales), é menor do que o estado de São Paulo e possui população três vezes 
menor que a brasileira. Ainda assim, chegou a dominar um terço do mundo no auge do período imperialista,
 no reinado da rainha Vitória, quando se dizia que o império britânico era o “império onde o sol nunca se põe”.
- - - - - - -

A PROFECIA
...Tudo acontece quando Voldemort se aproveita da ligação de sua mente com a de Harry, e o atrai até o Departamento de Ministérios, no Ministério da Magia, com o pressuposto de Sirius Black, seu padrinho, estaria lá correndo sério perigo de vida. Harry então reúne alguns membros da A.D. (Armada de Dumbledore), sendo eles Luna Lovegood, Neville Longbotton e seus amigos Rony Weasley e Hermione Granger. Todos partem montados em Testrálios, visíveis apenas à Harry, Neville e Luna, por já terem presenciado a morte. Ao chegarem ao Ministério, Harry lembra o lugar em que vira nos sonhos e uma porta que sempre tentara entrar.Eles , então se deparam com os Comensais da Morte, que o mandar lhe dar a Profecia, e passam a combatê-los até que os membros da Ordem da Fênix chegam para dar reforço aos garotos. Minutos depois aparece também Dumbledore. Harry não entende o que é, e nem sua real importância. Por que os próprios comensais não a pegaram? Porque apenas as pessoas a quem ela se referia poderia fazer isso.E estes eram:

S.P.T. para A.P.W.B.D.
Lorde das Trevas
e  Nevile Longbotton ?  Harry Potter ?

Ou seja:
Sibila Priscila Trewlaney para Alvo Percival Wulfrico Brian Dumbledore
Lord das Trevas (Voldemort) e Harry Potter ou Neville Longbotton.

Essa profecia foi proferida pela professora Trelawney, quando Dumbledore estava fazendo-lhe uma entrevista para o cargo de professor de advinhação. Quando Alvo já estava de partida e havia dito que ela não tinha competência para ocupá-lo, Sibila então disse:

"Aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas se aproxima... nascido dos que o desafiaram três vezes, nascido ao terminar o sétimo mês... e o Lorde das Trevas o marcará como seu igual, mas ele terá um poder que o Lorde das Trevas desconhece... e um dos dois deverá morrer na mão do outro pois nenhum poderá viver enquanto o outro sobreviver... aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas nascerá quando o sétimo mês terminar...".

Atrás da porta estava, no pub Cabeça de Javali, Severo Snape, nessa época ainda um Comensal da Morte, que a ouviu pela metade. Ele, então, correu para repetí-la ao seu mestre, que imediatamente tomou as providências necessárias: matou Tiago e Lílian Potter e tentou também fazer isso com Harry. O que o Voldemort não sabia, era que a profecia também dizia que "o Lord das Trevas o marcará como seu igual". Ou seja, iria involuntarialmente transferir alguns de seus poderes à única pessoa que poderia lhe destruir. Fazendo isso, ele deu todas as armas de que Harry precisa para vencê-lo. Poderes tão fantásticos, que qualquer Comensal da Morte mataria para os tê-lo. Um fato muito interessante é que a profecia talvez pudesse não se referir a Harry. Ela diz: "... nascido dos que o desafiaram três vezes... quando o sétimo mês terminar". Coincidentemente, tanto Lílian e Tiago Potter, como Alice e Franco Longbotton o desafiaram três vezes, e tiveram os filhos (Harry e Neville, respectivamente) nascidos no término do sétimo mês. Mas Voldemort pareceu escolher Harry e o fez marcando-lhe a cicatriz, quando tinha apenas 1 ano de idade. Com isso, ele perdeu todos os seus poderes e passou a ser pouco mais que uma alma.

Quando a batalha com os Comensais chegou ao fim, com a triste morte de Sirius Black pela sua prima Belatriz Lestrange, Dumbledore envia Harry através de uma chave de portal até o seu escrítorio e pede que o espero por trinta minutos, tempo necessário para esclarecer ao então Ministro da Magia, Cornélio Fudge, o que acontecera ali , enfim, convencê-lo de que Voldemort havia voltado.

Dumbledore, então, conta a Harry os ministérios que, segundo ele, deveriam ter sido revelados há cinco anos. Diz a Harry que o motivo de Voldemort não ter conseguido matá-lo, foi o de que antes de morrer, sua mãe, Lílian Potter, morreu para salvá-lo, selando, assim, um feitiço antigo, porém repugnado pelo Lord das Trevas. Ela conferiu-lhe uma proteção duradoura que correrá nas veias de Harry até ele atingar a maioridade (17 anos). Com a morte de Lílian, o único parente vivo dela que restou foi Petúnia Dursley, sua irmã. Como ela tem o mesmo sangue, o feitiço foi conferido o escudo mais forte contra Voldemort, impedindo-o de tocar ou ferir Harry.
 
Mistérios de Harry Potter.....
- - - -


Saiba mais sobre Harry Potter


  • O nome do meio de Harry Potter é Tiago – o mesmo nome de seu pai.
      
  • Alvo (Percival Wulfrico Brian) Dumbledore, diretor da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts 
    e protetor de Harry Potter, foi muito inspirado no mago Merlim, da lenda do Rei Arthur.
  • Muitos dos monstros citados por J. K. Rowling em seus livros são extraídos da mitologia clássica e
     do folclore universal – a saga de Harry Potter reproduz a mesma estrutura narrativa das jornadas heróicas 
    tradicionais.
  • São mil os alunos da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.
  • Enquanto o chocolate é o melhor remédio contra o mal que os temíveis dementadores provocam, uma 
    boa risada é o que realmente acaba com um bicho-papão.
  • A frase Draco Dormiens Nunquam Titillandus, escrita no brasão da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts
     significa, literalmente, “Nunca faça cócegas num dragão adormecido” – algo semelhante ao nosso ditado 
    popular “não cutuque onça com vara curta”. A máxima de Hogwarts é a preferida de J. K. Rowling.
  • - - -
    Ele não vai mais aparecer na telona na pele de Ron Weasley, mas está a um clique de surgir no seu computador interpretando o cantor Ed Sheeran. O músico de apenas 20 anos convidou Rupert Grint para interpretá-lo no vídeo da música Lego house, já que a cabeleira ruiva já foi motivo de muita confusão entre os dois por aí. “Quando eu estava tendo ideias para o clipe de Lego house, sabia que queria Rupert nele. [...] Eu cresci com os filmes de Harry Potter e tenho um grande  respeito por seu trabalho”, disse Ed, que abalou a última edição do Festival de Glastonburry, na Inglaterra.
    - - - - - -